quarta-feira, 6 de outubro de 2010

Karma

Com o juízo na mão e um sorriso no rosto
Eu ainda sutento esse mundo no peito
Eu ainda me dou ao respeito
Eu ainda faço tudo por mim mesmo

Com a cara, assim, bem-aventurada
Colo selos na parede da memória
Porque a felicidade mora nela

A felicidade é comprada por quem sabe o valor dela
E vendida por quem o desconhece.

2 comentários:

  1. Ou simplesmente despediçada/jogada fora quando se perde esse otimismo e a esperança. =(

    Bjs, Nina! Bom estar por aqui em seu "canto novo" rs

    ResponderExcluir
  2. daí o valor do sofrimento, tudo se encaminha para um bem maior, um propósito, uma finalidade um plano escatológico.

    ResponderExcluir