quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

Metas

Eu metamorfo
mofo, não mais
capaz, rapaz
estando e não
estando e sim
e sim, estou aqui
aqui estou e vou
vou com você
onde vais?
fora daqui
fora lá
fora e não sou mais
em qualquer lugar.

Um comentário:

  1. Usou muito bem as palavras, elas trouxeram equilíbrio ao poema.
    Parabéns!

    ResponderExcluir